Prefeito Odemir Moreira avalia um ano de gestão
;

Prefeito Odemir Moreira avalia um ano de gestão

Publicado em:



“Nunca foi tão difícil conciliar receitas com despesas”, afirmou ao Jornal Serra Dourada News.

O prefeito Odemir Moreira (PSDB) fez uma avaliação de um ano frente à Prefeitura de Goiandira. Ele listou obras e falou de forma transparente sobre os investimentos realizados na cidade, além de pontuar qual a receita disponível para futuras obras. Odemir afirmou que tem conseguido realizar um bom trabalho, diante das dificuldades enfrentadas pelos municípios brasileiros. Os pagamentos estão sendo realizados em dia e os investimentos prosseguem no município.

Ele ressaltou que em toda a sua história na política, “nunca foi tão difícil conciliar receitas com despesas”. “No mandato passado nos quitávamos a folha dia 22. Estamos quitando no dia 30 e ainda fica obrigação com o Fundo de Participação dos Municípios (FPM) do dia 10. Inverteu tudo. Nós que pagávamos antecipado, estamos pagando atrasado, infelizmente, pela queda da arrecadação enfrentada pelo país. Estamos com grande sacrifício, disse.

Odemir acrescentou que aguarda repasse de 1% do FPM e que a Confederação dos Municípios (CNM) deve liberar R$ 4 bilhões para distribuição entre os municípios brasileiros. “Estamos movimentando nossa bancada de deputados para trabalhar para que os municípios possam ser atendidos e que saiam dessa situação de verdadeira calamidade financeira. Muitos municípios não têm conseguido, mas nossa experiência tem nos ajudado muito. Estamos priorizando o que tem que ser realmente feito e buscando investimentos para ver se conseguimos equilibrar as contas.”

Ele também explicou sobre certos gastos que comprometem a renda do município, como o pagamento de energia elétrica. “Estamos pagando integralmente os R$ 40 mil. São R$ 32.500 mil de iluminação e R$ 5.500,00 de iluminação dos prédios. Não tem mais aquele retorno, porque hoje a Celg não é mais estatal e pagamos a iluminação pública integralmente”, enfatizou.

Odemir ainda comentou sobre a construção de casas populares, alegando que toda obra tem contrapartida do município e que há dificuldades neste sentido. “Com essas casas, para colocar a mão e obra, temos três pedreiros. Um está no presídio e não temos gente suficiente e não podemos contratar. Se fizermos, estaremos firmando um compromisso que não poderemos cumprir.”

O prefeito salientou que mesmo com as dificuldades na receita municipal, por meio de emendas e parcerias, a administração municipal conseguirá entregar obras ainda este ano, como a Academia de Saúde, o Centro de Convivência e a pavimentação asfáltica de ruas da cidade. “Tivemos que fazer uma readequação no projeto e licitamos novamente o Parque Temático, para concluir essa obra até abril de 2018. Temos R$ 1 milhão do “Goiás na Frente”, destinando R$ 450 mil para recapeamento, R$ 150 mil para asfalto na comunidade do Veríssimo, R$ 150 mil para construção de uma Pista de Caminhada com iluminação e mais uma emenda de R$ 500 mil para asfaltamento do Residencial Maria Angélica”, pontuou.

Outro assunto abordado foi a reabertura do Hospital Associação Proteção Maternidade Infância de Goiandira, bem como a busca de recursos do Ministério da Saúde, no valor de R$ 300 mil para aquisição de equipamento e material permanente, e na Secretaria Estadual de Saúde, no valor de R$ 303 mil para manutenção. Ele também citou os repasses mensais de R$ 120 mil via Fundo Municipal de Saúde para pagamento de médicos e outros profissionais. “Mantivemos ainda as duas equipes do Programa Saúde da Família e outras demandas da pasta. Realizamos campanhas preventivas na área de Vigilância em Saúde, seja no combate à Dengue, tabagismo, hipertensão, entre outras.”

O prefeito lembrou da emenda viabilizada pelo deputado estadual Gustavo Sebba (PSDB) junto à Secretaria Estadual de Saúde, de R$ 100 mil, para aquisição de um novo aparelho de raio-x para o Hospital de Goiandira.

Na área social, a secretária Rita Lilian de Lima Nascimento, vem desenvolvendo um trabalho diferenciado. Ela listou ações da sua pasta. “A gente começou com o curso de cozinha rural, hortaliças e depois, veio o Carnaval Solidário, o Carnaval Kids, onde arrecadamos alimentos. No dia das Mulheres, com vários brindes, foram distribuídos mais de 20 kits de enxovais de bebê para as mães do programa Bolsa Família. Houve cadastramento para o programa de Artesanato Goiano, comemoração da Páscoa, do dia das Mães com distribuição de vários brindes, capacitação, a Conferência Municipal de Assistência Social, o dia da Beleza no Asilo São Vicente de Paula, a doação de agasalhos e várias outras ações”, destacou.

A Prefeitura de Goiandira e Secretaria de Ação Social ainda contribuíram para a realização da Festa de São João, o 1º Festival de Quadrilha e Gastronomia, Colônia de Férias, Dia da Criança, participação em mutirões de ação e cidadania nos bairros e horta comunitária no CRAS. Rita também relatou que a Secretaria de Ação Social distribui mensalmente cerca de 30 cestas básicas às famílias de baixa renda e com problemas sociais.

Fonte: Jornal Serra Dourada News

Carregando...